NOTÍCIA

3x3 no mundo

Draft distribui as melhores equipes de 3×3 pelo mundo

Por: Edson Garcia

 

São Paulo, 5 de abril de 2018 – Pelo segundo ano consecutivo, as 8 melhores equipes da temporada profissional concluída formam um grupo especial de equipes do circuito profissional de basquete 3×3 para a temporada seguinte. Ficou difícil de entender? É bem simples: assim como há o Ranking FIBA3x3 de atletas, há o ranking de equipes, formado pelas equipes que participaram do circuito profissional (World Tour). Ao final da temporada 2017 havia uma classificação que indicava os melhores times do ano e as 8 melhores equipes, de acordo com o Ranking FIBA 3×3, entraram nesse grupo principal para a temporada 2018. Confira as equipes:

 

1 – Novi Sad (SRB)

2 – Zemun (SRB)

3 – Liman (SRB)

4 – Piran (SLO)

5 – Ljubljana (SLO)

6 – Riga (LAT)

7 – Kranj (SLO)

8 – Belgrade (SRB)

 

O objetivo é premiar elas pelo rendimento e, dessa forma, dar vaga direta a algumas etapas do World Tour, seguindo o critério abaixo:

  • Todo etapa recebe 2 equipes do grupo especial
  • As 4 melhores equipes escolhem as etapas (Masters) que querem jogar
  • A equipe classificada em 1º jogará em 4 Masters
  • A equipe classificada em 2º jogará em 3 Masters
  • As equipes classificadas de 3º a 7º jogarão em 2 Masters
  • A equipe classificada em 8º jogará em 1 Masters

A definição de quem jogaria em qual etapa partiria de um sistema de draft entre os 4 melhores times, com o primeiro colocado Novi Sad fazendo a primeira das escolhas e seguindo-se a ordem por duas rodadas, ou seja, cada um dos 4 times teve duas escolhas respeitando-se a ordem de classificação. Ao final das contas, as equipes ficaram dispostas da seguinte maneira:

 

b4b9e1c8-62cd-445a-9d2b-29f6006ecec7

 

Apesar de ser uma vantagem, alguns times não saíram tão felizes assim após o draft. A equipe de Novi Sad ficou de fora do Marters de Chengdu, etapa que queria jogar, e agora vai precisar se utilizar de torneios classificatórios para chegar a ela. O mesmo vale aos outros times, que podem chegar às outras etapa de World Tour via Challenger e Quest (torneios classificatórios).

Para mais informações, acesse: http://www.fiba.basketball/en/3x3worldtour/2018/news/world-s-number-one-3×3-team-novi-sad-to-compete-in-fiba-3×3-world-tour-debrecen-lausanne-quito-and-saskatoon-masters

OUTRAS NOTÍCIAS